• Verti Consultoria

Gestação Segura - 3 Dicas Importantes

Atualizado: Abr 21


Atualmente as gestantes são orientadas a evitar coisas como bebidas alcoólicas e cigarros, mas pouco ou nada se fala sobre reduzir o risco associado à toxinas presentes em bebidas e alimentos, apesar das evidências associando tais toxinas à problemas de saúde no bebê que está sendo gerado. Enquanto em países como Suécia e Dinamarca as gestantes recebem toda orientação necessária para que evitem uma gama de toxinas prejudiciais ao bebê, muito pouco disso é divulgado no Brasil.


Este artigo aborda os principais pontos desta questão, com foco em toxinas presentes em alimentos e bebidas que devem ser evitados sob o ponto de vista toxicológico. Como a gestação é um período crítico para a formação do bebê, um pouco mais de cuidado nesta faze pode ser a diferença entre a saúde e a doença no futuro. Algumas medidas durante a gestação podem evitar por exemplo, mal formações, dificuldades de aprendizagem, distúrbios hormonais, e até mesmo câncer infantil. As dicas abaixo irão contribuir para a saúde da gestante e do bebê que está por vir!


1) Filtre Sua Água


A água tratada das grandes cidades brasileiras contém resíduos de agrotóxicos, medicamentos, hormônios, metais pesados, entre outros resíduos. Isso se deve ao fato de que a poluição dos mananciais apenas aumenta (assim

como a população nas grandes cidades!) enquanto o sistema de tratamento e abastecimento de água das cidades, em sua grande maioria, está defasado. Se você é uma pessoa de sorte, e tem acesso à água de poço ou de nascente, também vale a pena filtrá-la, pois esta também pode conter resíduos de contaminantes.


Mesmo que a contaminação da água seja baixa, saiba que certas toxinas agem em quantidades ínfimas, perturbando o equilíbrio hormonal e a sequência de eventos necessária para a formação de uma criança saudável, portanto a precaução é o melhor remédio.


2) Evite Certos Peixes e Frutos do Mar


Alguns peixes marinhos e de água doce contém mercúrio, proveniente de águas poluídas. O mercúrio pode prejudicar o sistema nervoso do bebê e pode levar a dificuldades de aprendizagem. Os peixes considerados mais contaminados são os localizados mais ao topo da cadeia alimentar devido à bioacumulação. Portanto peixes carnívoros como cação (tubarão), atum, e peixe espada estão entre os mais contaminados.


Prefira peixes que se alimentem de algas e crustáceos, ou se você simplesmente prefere não consumir peixes por esta e outras razões, saiba que ácidos graxos importantes para a saúde humana, como o Omega-3, podem ser obtido através de fontes vegetais como óleo de linhaça, sementes de chia, amêndoas e nozes, e muitas outras fontes vegetais mais seguras.


Evite também ingerir animais filtradores, como ostras, mexilhões e mariscos. Estes animais possuem um sistema de eliminação de toxinas bastante lento, e frequentemente sobrevivem em águas poluídas. Assim, estes animais podem acumular em seus corpos vários tipos de contaminantes presentes na água. Portanto, se você não tem certeza se foram cultivados em águas limpas é melhor evitá-los por completo. Isso vale para qualquer pessoa, mesmo não sendo gestante!


É importante lembrar que a ingestão de peixe cru, e especialmente marisco cru, pode ser a causa de várias infecções. Estas podem ser virais, bacterianas ou parasitárias, tais como o norovirus, Vibrio spp, Salmonella e Listeria.


3) Evite Agrotóxicos


Para evitar agrotóxicos, além de consumir água filtrada, você deve ficar atenta aos alimentos que consome. Existem diversos artigos científicos associando certos agrotóxicos à problemas durante a gravidez, inclusive mal formações e aborto. Portanto, prefira os alimentos orgânicos, principalmente os que você mais consome. Se você não pode consumir apenas orgânicos, pelo menos evite os que costumam estar mais contaminados, e lave muito bem as frutas verduras antes de comê-las. Para saber mais sobre como evitar agrotóxicos leia o artigo aqui.


Gostou das dicas!? Qual o melhor conselho de saúde que você recebeu quando grávida? Divida conosco nos comentários!


Leia mais:

- https://apublica.org/2019/04/coquetel-com-27-agrotoxicos-foi-achado-na-agua-de-1-em-cada-4-municipios-consulte-o-seu/

- http://www.ufrgs.br/secom/ciencia/residuos-de-medicamentos-e-hormonios-na-agua-preocupam-cientistas/

- https://www.healthline.com/nutrition/mercury-content-of-fish


#verticonsultoria #toxicologia #saude #saudeebemestar #saudebemestar #saudenatural #saudeevida #saudeetudo #saudeanimal #gestaçãosemtoxinas #gravidezsemtoxinas #gestaçãosaudável #saúdedagestante #gravidez #gestação #toxicologia #saúde #saude #evitetoxinas #livredetoxinas #toxinas #toxinasambientais #bemestar #saúdepreventiva #saudepreventiva #qualidadedevida #vidasaudável #vidasaudavel #estilodevida #vida #alimentacaosaudável #alimentacaosaudavel #nutrição #nutricao #dieta #detox #natural

Fale conosco!

Email: consultoria.verti@gmail.com

Tel: +55 (51) 9 9662 1344 (WhatsApp)

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone LinkedIn

© 2020 por Verti Consultoria

Toxicologia - Saúde - Meio Ambiente